#SaúdeELiteratura: Associação da Síndrome de Asperger lança cartilha e livro em BH

By | 18 de fevereiro de 2016

16-2-18-Livro-Victor-Mendonça-660x330

Nesta quinta-feira (18/02), é o Dia Internacional da Síndrome de Asperger. Variação do autismo, com características específicas, entre elas a inteligência, a sinceridade e a persistência, a síndrome ficou famosa ao ser identificada com o argentino Lionel Messi, considerado o melhor jogador de futebol do mundo na atualidade.

Antes dele, o filme “Forrest Gump”, de 1994, já havia retratado um portador da síndrome, que hoje une mães, pais e profissionais em associações que buscam o esclarecimento da sociedade e a inclusão dos portadores. Em Belo Horizonte, há cerca de seis meses, foi fundada a Asa-Tea-MG – Associação da Síndrome de Asperger, que se reúne na Casa do Jornalista, com apoio do Sindicato, e tem página no Facebook.

Durante todo o dia, a Asa-Tea-MG distribuiu em escolas e outros locais uma cartilha sobre a síndrome. Na próxima terça-feira (23/02), a cartilha será lançada na Casa do Jornalista, a partir das 19h30, juntamente com o livro “Outro olhar – reflexões de um autista”, do estudante de jornalismo Victor Mendonça, uma rara obra a expor a síndrome do ponto de vista do portador.

Filho da jornalista Selma Sueli Silva, Victor escreve uma coluna no blog “Tudo bem ser diferente”, da jornalista Sônia Pessoa, que pode ser acessada clicando aqui. Victor e Selma também mantêm no YouTube o canal Mundo Asperger, com divertidas conversas sobre o assunto.

Mãe de uma pessoa com Síndrome de Asperger, a atriz e professora de artes Iolene Di Stéfano conseguiu fundar a Asa-Tea-MG depois de três anos de articulações. Além de lançar a cartilha, a associação prepara outros eventos, como um festival de cinema, e ações pelo cumprimento da Lei da Inclusão. Ela explica que o esclarecimento sobre as características dos portadores da síndrome, de forma especial junto a escolas e educadores, possibilita que seus talentos sejam aproveitados adequadamente e que eles tenham uma vida melhor.

Uma dessas características é a sinceridade, que costuma desconcertar as outras pessoas. “Eles têm dificuldade de falar mentiras”, observa Iolene. “Parecem intransigentes, mas é porque têm dificuldade de dominar seus sentimentos”, acrescenta. As crianças com Asperger não têm dificuldades de fala nem cognição, mas costumam ser obsessivas, quando gostam de um tema, e têm habilidades extraordinárias, como memória detalhada.

Lançamento do livro “Outro olhar – reflexões de um autista”, de Victor Menonça, e da cartilha “Síndrome de Asperger”
Data: 23/02/2016, terça-feira
Horário: 19h30
Local: Casa do Jornalista (Avenida Álvares Cabral, 400, Centro, Belo Horizonte)

Deixe uma resposta