#Dicas: Saiba como evitar acidentes domésticos com crianças durante as férias

By | 28 de julho de 2016
Reprodução Blog da Saúde

Reprodução Blog da Saúde

Durante o período das férias escolares, as crianças ficam mais tempo em casa. Por isso, a vigilância tem que ser redobrada. No último ano, os acidentes dentro das residências foram responsáveis por 1.063 atendimentos a crianças de zero a 12 anos no Sistema Único de Saúde (SUS) . Para prevenir que acidentes aconteçam, o Blog da Saúde conversou com o tenente coronel do Corpo de Bombeiros do Distrito Federal, Alan Alexandre Araújo, sobre orientações para que os pais e crianças possam curtir as férias com segurança. Confira:

QUEDAS: Todo o cuidado é pouco quando o assunto são as quedas. “Bater com a cabeça ou pescoço pode sempre trazer consequências muito sérias, levando a criança a uma parada respiratória e/ou cardíaca, chegando até a morte”, explica. Lembre-se que as quedas podem acontecer de janelas e redes, mas também de árvores, balanços, sofás, cadeiras e mesas. Fique sempre atento!

Se houver cortes na queda, limpe adequadamente, com água corrente e sabão ou soro fisiológico. Não coloque sabão dentro da ferida, mas o use para limpar a pele ao redor de onde está o ferimento aberto para evitar que a sujeira entre no machucado. Use uma gaze, se possível, para fazer a limpeza. Sempre limpando de dentro pra fora e nunca jogando a sujeira para onde está aberta a pele. O soro e a água corrente podem ser jogados na parte de cima da ferida, mas com cuidado. Se houver dúvidas no procedimento, procure uma unidade de saúde para evitar uma infecção.

TOMADAS: O perigo está em a criança colocar dentro das tomadas objetos metálicos, como pinças, grampos, chaves e etc. Esses itens ajudam a fecham o circuito de energia, causando um choque elétrico. “Um choque de 220 volts, por exemplo, é muito forte para uma criança, podendo causar desde queimaduras até paradas cardíacas”, ressalta. O problema não é ter a tomada em casa, mas sempre alertar a criança do risco e, sempre que puder, tampar aquele local para que não aos pequenos não seja facilitado.

Leia a matéria completa no Blog da Saúde .

Deixe uma resposta