#SaúdeEntrevista: Fernanda Honorato fala sobre Síndrome de Down e inclusão social

By | 21 de março de 2017

por Ana Paula Brum

Foto: Márcio Zavareze / TV Brasil.

Foto: Márcio Zavareze / TV Brasil.

Fernanda Honorato é primeira repórter com Síndrome de Down do mundo. Além de repórter do Programa Especial, da TV Brasil, Fernanda é atriz de teatro e cinema, rainha de bateria da Escola de Samba Inclusiva e palestrante.Em seu extenso currículo, constam trabalhos como depoimento no último capítulo da novela Páginas da Vida, entrevistas concedidas ao Programa Jô Soares, TV Xuxa, Programa Encontro com Fátima Bernardes, participação em filmes como Cromossomo 21 e Entre Amores, sendo esse último como atriz protagonista.

Veja também:

Fernanda também realizou a cobertura do evento do Dia Internacional da Síndrome de Down, da ONU, e recebeu prêmios importantes como a Medalha Associação Internacional Lions Clube, Rank Brasil (1ª repórter com Down), Prêmio Destaque Empresarial (Talento Especial em Jornalismo), Revista OGGI – Itália, Medalha Mérito Esportivo Militar 2017, entre outros. Abaixo, confira a entrevista:

Blog Saúde MG: Em seus relatos você fala que, quando criança, costumava imitar a Marília Gabriela e realizava entrevistas com seus familiares e pessoas próximas. Qual foi a sua sensação quando essa “brincadeira” passou a ser verdade? Nos conte um pouco mais sobre o início da sua carreira como repórter.

Fernanda: O início da minha carreira foi quando eu estava em uma discoteca e o Programa Especial estava lá para fazer uma entrevista. Quando me conheceram, resolveram fazer uma entrevista sobre o meu dia a dia, aí gostaram tanto de mim que pediram para eu fazer um teste. Eu fiz esse teste e ficou guardado por um tempo. Depois esse teste acabou indo ao ar. Eu fiquei muito feliz e esse foi o dia que realizei um grande sonho.

Blog Saúde MG: É nítida sua evolução e desenvoltura como repórter ao longo dos anos no Programa Especial. A que você atribui esse aperfeiçoamento na carreira?

Fernanda: Aprendi muitas técnicas com a minha produtora. Gosto de me informar sobre coisas importantes, leio jornal, assisto ao noticiário e leio notícia da internet. No início, eu tinha uma pauta de perguntas feita pela produtora, mas, com o tempo fui ganhando confiança e hoje ela abre para eu desenvolver as perguntas.

Blog Saúde MG: Além de trabalhar como repórter, você também é atriz, dançarina e atleta da Sociedade de Síndrome de Down na modalidade natação, certo?

Fernanda: Certo.

Blog Saúde MG: Como você organiza seu tempo para conciliar todas essas tarefas? Nos conte um pouco mais sobre o seu dia a dia.

Fernanda: Meus dias são muito cheios, minha agenda é lotada, mas eu vou dando conta do recado porque não gosto de ficar parada.

Blog Saúde MG: O que você aconselha para as pessoas com Síndrome de Down que tenham muita vontade de trabalhar ou realizar um grande sonho, mas ainda encontram dificuldades?

Fernanda: Eu digo para não desistirem dos seus sonhos. Temos que acreditar na nossa capacidade, no nosso potencial, no nosso ponto de vista, que podemos romper barreiras.

Blog Saúde MG: Infelizmente o preconceito ainda é algo que faz parte do dia a dia do ser humano, principalmente quando lidamos com as diferenças. Como você vê essa questão?

Fernanda: Há muito preconceito sim, mas hoje eu tento lutar pela inclusão para acabar com o preconceito.

Blog Saúde MG: Em algum momento pensou em desistir de algum sonho por causa de pessoas preconceituosas?

Fernanda: Nunca pensei em desistir dos meus sonhos e nunca vou desistir, pois sou feliz como eu sou.

Blog Saúde MG: Além da natação e da dança, você pratica outros esportes? Você acredita que os exercícios físicos tenham lhe ajudado no seu desenvolvimento? Se sim, quais foram os benefícios para a sua vida?

Fernanda: Os exercícios ajudaram na minha saúde. Eu era muito gordinha e sedentária, hoje me sinto mais disposta para fazer as tarefas do meu dia a dia e me sinto mais bonita.

Blog Saúde MG: E a sua alimentação, como é? Considera seu estilo de vida como saudável?

Fernanda: Eu faço todas as refeições, como melão todos os dias pela manhã, adoro um arroz e feijão, mas não posso comer muito, evito refrigerantes, pizza e salgadinhos. Gosto muito de salada. Todas as noites tomo um chá.

Blog Saúde MG: O que você considera fundamental no quesito saúde para acompanhamento de pessoas com síndrome de Down?

Fernanda: Exercício físico, boa alimentação e atividades que dão prazer.

Deixe uma resposta