#Evento: SES-MG realiza Conferência Livre dos Trabalhadores e Trabalhadoras de Vigilância em Saúde

By | 31 de julho de 2017

conferencia_vs_post

Entre os dias 01 a 04 de agosto de 2017, a Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais (SES-MG) promove a Conferência Livre dos Trabalhadores e Trabalhadoras de Vigilância em Saúde: Nenhum Direito a Menos. Com o Tema Vigilância em Saúde: Direito, Conquistas e Defesa de um SUS Público de Qualidade, o evento se constitui como uma das etapas da Conferência Estadual de Vigilância em Saúde, além de ser uma ferramenta para o fortalecimento do Sistema Único de Saúde (SUS) e consolidação do Sistema Estadual de Vigilância em Saúde no estado.

“A realização da Conferência Livre é um convite para a participação dos trabalhadores e trabalhadoras do Sistema Estadual de Saúde, que irão propor diretrizes para a formulação da Política Nacional de Vigilância em Saúde e o fortalecimento de ações de Promoção e Proteção à Saúde em Minas Gerais. Entre os desafios, está o estabelecimento de um modelo de atenção à saúde voltado para a redução do risco da doença e de outros agravos, onde a promoção, proteção e prevenção sejam os orientadores do cuidado à Saúde”, explica o subsecretário de Vigilância e Proteção à Saúde da SES-MG, Rodrigo Fabiano do Carmo Said.

A abertura oficial da Conferência será  na terça-feira (01/08), a partir das 18h. A mesa de abertura, no entanto, terá início às 18h30, com as discussões acerca dos objetivos e contexto da Conferência-Livre de Vigilância em Saúde. Participarão desse primeiro debate o Secretário de Estado de Saúde de Minas Gerais, Sávio Souza Cruz; o Subsecretário de Vigilância e Proteção à Saúde, Rodrigo Said; a Superintendente de vigilância Epidemiológica, Ambiental e Saúde do Trabalhador, Deise Santos e o Superintendente de Vigilância Sanitário, Rilke Novato Públio.

  • Clique aqui e confira a programação completa da Conferência.

Em tempo

De 21 a 24 de novembro, em Brasília-DF, será realizada a 1ª Conferência Nacional de Vigilância em Saúde. A conferência discutirá, entre outras questões, quais estratégias podem gerar ações integradoras das vigilâncias e a integração da vigilância em saúde com a atenção básica.

Ainda, a proposta de regulamento da etapa nacional desta Conferência está disponível para alterações, acréscimos ou exclusões de propostas. As sugestões podem ser feitas através do formulário online. Você pode contribuir acessando a Consulta Virtual aqui.

Deixe uma resposta