#EAD: UNA-SUS abre inscrições para o curso “Saúde da População Negra”

By | 8 de agosto de 2017

banner_instagram_populacao_negra2

A Universidade Aberta do SUS (UNA-SUS) já está com matrículas abertas para a nova turma do curso online sobre Saúde da População Negra. Profissionais de saúde e demais interessados no tema podem se inscrever até 08 de novembro por meio deste link. Aqueles que já tiverem cadastro na UNA-SUS deverão inserir o CPF e senha de acesso para se inscreverem no curso. Usuários não cadastrados deverão criar primeiramente um perfil no Acesso UNA-SUS.

A capacitação é uma ação do Ministério da Saúde, por meio das Secretarias de Gestão do Trabalho e da Educação na Saúde (SGTES) e de Gestão Estratégica e Participativa (SGEP). Produzido pela Secretaria Executiva da UNA-SUS, o curso é pautado na Política Nacional da Saúde Integral da População Negra (PNSIPN) e aborda temas que impactam no atendimento da população no SUS, como o racismo institucional.

O objetivo é fornecer subsídios aos profissionais de saúde para que possam atuar pela perspectiva do cuidado centrado na pessoa e na família, com base nas instruções da diretriz. Assim, o curso possibilita a ampliação dos conhecimentos para promover um atendimento integral e adequado às especificidades de saúde da população negra. De maneira mais abrangente, pretende-se alertar aos profissionais de saúde para que, em sua rotina de trabalho, identifiquem as iniquidades étnico-raciais que impactam sobre a saúde da população negra, monitorem e avaliem os resultados das ações para prevenção e combate dessas iniquidades.

Para Secretária da SGEP, Gerlane Baccarin, a iniciativa para criação do curso surgiu da necessidade de implementação de ações de educação permanente específicas para atender às populações socialmente mais vulneráveis e em situação de iniquidade no acesso à saúde. “Este curso é uma possibilidade de democratização do saber e do fazer para profissionais da área de saúde na formação, pois, enquanto estratégia auxilia na tomada de consciência dos avanços promovidos na área de conhecimento, gerando processos continuados de acesso a informação”, afirma Baccarin. Para a secretária, a educação a distância com essa temática impulsiona o crescimento, nos sentidos político-sociais, econômicos, pedagógicos e tecnológicos dos profissionais de saúde.

O Saúde da População Negra é uma das ofertas mais populares da UNA-SUS. Lançada em 2014, a capacitação teve 31.630 matrículas e 3.099 profissionais certificados nas suas quatro turmas anteriores.  Os estados com maior número de inscrições foram São Paulo (2.509), Bahia (2.265) e Minas Gerais (1.720).

 

Fonte: UNA-SUS.

Deixe uma resposta