#Ciência: Fiocruz desenvolve aplicativo para pesquisa em doenças crônicas

By | 26 de fevereiro de 2018
Foto: Shutterstock / Reprodução.

Foto: Shutterstock / Reprodução.

O desenvolvimento de um aplicativo voltado para pesquisas sobre doenças crônicas resultou na assinatura de uma parceria público-privada entre a Fiocruz Pernambuco e a empresa Sysvale. Trata-se do Collectivehealthmaps (HCMAPS), um software para uso em pesquisas qualitativas e quantitativas, que utiliza georreferenciamento.

A ferramenta é compatível com celulares e tablets e utiliza o sistema operacional Android. O acordo, assinado na última sexta-feira (16/2) pelo diretor da Fiocruz Pernambuco, Sinval Brandão Filho, e pelo sócio-administrador da Sysvale, Denisson Leal, estabelece a propriedade conjunta do software, com participações iguais por parte das duas entidades.

O software foi criado no âmbito do projeto Núcleo de Apoio à Saúde da Família (Nasf): uma análise dos componentes alimentação, nutrição e atividade física na rede de atenção aos hipertensos e diabéticos em Pernambuco, do Laboratório de Avaliação, Monitoramento e Vigilância em Saúde (Lam-Saúde).

O tempo de desenvolvimento do sistema foi de cerca de um ano e contou com financiamento pelo Programa de Excelência em Pesquisa (Proep) da Fiocruz, em convênio com a Facepe. “Esse aplicativo traz inúmeros benefícios à pesquisa, um dos mais importantes, com certeza, é a geração de dados em tempo real”, disse a coordenadora do Lab-Saúde, Eduarda Cesse. O aplicativo, que está sendo testado em projetos de alunos do mestrado e doutorado em Saúde Pública da Fiocruz Pernambuco, encontra-se em análise para possível inclusão no portfólio de inovação da Fundação.

 

Deixe uma resposta