#Curiosidade: Quais cuidados são necessários com o umbigo do recém nascido?

By | 20 de fevereiro de 2019
Cleaning a newborn baby's umbilical cord belly button.

Blog da Saúde

Com o nascimento de uma criança, nascem também inúmeras dúvidas sobre os cuidados que devemos ter com ela, especialmente nos primeiros dias de vida. E um destes cuidados é com o umbigo, pois o coto umbilical, que ligava a mãe ao bebê no útero, ainda fica preso ao recém-nascido por alguns dias. Ele precisa ser bem limpo para evitar infecções até que caia sozinho, pouco depois da primeira semana de vida.

A Caderneta de Saúde da Criança de Meninas e Meninos, documento elaborado pelo Ministério da Saúde e entregue aos responsáveis ainda na maternidade, recomenda que a região umbilical seja limpa com o álcool 70%. Também é aconselhado que os cuidadores não usem faixas, moedas ou qualquer outro objeto ou substância sobre o umbigo. Não se pode abafar o local, pois o coto umbilical precisa secar para cair.

#Dica: Para limpar, use algodão, uma fralda de pano ou uma haste com algodão. Qualquer um deles consegue retirar bem as secreções. Lave bem as mãos com sabão neutro, esfregando bem punhos e unhas, antes de higienizar o local.

Outros cuidados

Além dos cuidados com o umbigo do recém nascido, o puerpério é um período que demanda outros cuidados com o bebê e com a mãe. Por isso, veja essas dicas que o #BlogDaSaúdeMG preparou:

Alimentação – Neste período é importante manter uma alimentação saudável e variada e beber muita água, para favorecer sua recuperação e a amamentação. Alimente-se 5 ou 6 vezes por dia. Evite alimentos gordurosos, café, chá-preto, refrigerantes, chocolate e produtos com corantes e adoçantes, e comidas muito temperadas. Observe se algum alimento provocou cólicas no bebê. Evite bebidas alcoólicas, cigarro e outras drogas. Desta forma você estará protegendo você e seu(sua) filho(a).

Consulta Pós Parto – Você e seu bebê devem retornar à Unidade Básica de Saúde na primeira semana após o parto. Sempre que possível, esteja acompanhada do pai ou parceiro(a). O atendimento nesse período é importante para:

  • saber como está a saúde sua e de seu bebê;
  • avaliar a amamentação e o sangramento vaginal;
  • observar a cicatrização e retirar pontos, se necessário;
  • examinar seu bebê, vacinar e realizar o teste do pezinho;
  • ajudar a tirar dúvidas suas e de sua família sobre qualquer questão em relação a sua saúde e a saúde de seu bebê;
  • discutir se deseja ou não uma nova gravidez e quais os métodos contraceptivos mais indicados.

Com informações do Blog da Saúde

Deixe uma resposta