#SaúdeNaCozinha: Como ter uma páscoa mais saudável?

By | 12 de abril de 2019

Com a Páscoa, aumenta a oferta de chocolates dos mais variados tipos e sabores. Quando consumido na quantidade adequada, este doce derivado da semente torrada do cacau pode ser um aliado à saúde. Quanto mais amargo, maior a quantidade de cacau que ele contém e, por isso, mais nutrientes.

Desse modo o chocolate amargo tem 70% de cacau, em segundo lugar vem o meio amargo, que tem 50% de cacau, o ao leite que terá 25% de cacau e por último o branco, que não tem cacau, mas sim a manteiga de cacau e não é saudável.

Além disso, tem outro alerta: quando ultrapassar a quantidade de 30% de cacau, o chocolate pode trazer malefícios para a saúde, pois a ingestão de mais gordura e mais açúcar pode desencadear obesidade, glicemia, colesterol e, até mesmo, diabetes.

Pensando em consumo saudável, o Blog da Saúde MG elaborou quatro dicas para um consumo consciente dessa iguaria. Confira:

Deixe uma resposta