Campanha da OPAS com o tema “Fale comigo abertamente” propõe atendimento mais informativo nos serviços de saúde.

By | 2 de dezembro de 2019

Por Ana Rita Fernandes

Conversar abertamente sobre a Infecção por HIV e outras Infecções Sexualmente Transmissíveis (IST) tem um papel fundamental para que jovens e outros indivíduos em situação de vulnerabilidade às IST’s acessem e mantenham contato com os serviços de saúde, realizem exames ou busquem medidas que possam impedir que contraiam ou transmitam o HIV.

Com essa perspectiva, a Organização Pan-Americana da Saúde (OPAS), juntamente com UNAIDS, UNICEF e Rede de Jovens Positivos da América Latina (J+Lac), lançou a campanha para o Dia Mundial de Luta Contra a AIDS deste ano com o tema “Fale comigo abertamente”.

O objetivo é sensibilizar os profissionais de saúde para que conversem com homens jovens gays e homens que fazem sexo com homens (HSH) – mais afetados pelo HIV – sem preconceitos, como forma de melhorar o acesso a medidas preventivas e obtenham informações e o apoio que precisam para ter uma saúde sexual saudável, além de combater o estigma e a discriminação que as populações mais vulneráveis à infecção pelo vírus HIV vivenciam nos serviços de saúde, configurando um dos principais obstáculos para acessarem os cuidados de saúde.

Créditos: Divulgação Freepik

Créditos: Divulgação Freepik

Deixe uma resposta