Author Archives: Pollyana Teixeira

#FiqueSabendo: Quanto você precisa se exercitar para ter uma #VidaSaudável?

Como está a sua saúde? Pratica atividades físicas de forma regular? Se você ficou em dúvida para responder estas perguntas, não se desespere. Que tal propor uma vida mais saudável? As práticas corporais e/ou atividades físicas são consideradas fator de proteção à saúde e contribuem para o aumento da qualidade de vida.

Foto: Mácio Ferreira | Ag. Pará | Fotos Públicas

Foto: Mácio Ferreira | Ag. Pará | Fotos Públicas

Mas o que é mesmo atividade física?

Antes de tudo é preciso esclarecer: “atividade física” não deve ser confundida com “exercício”, que é uma subcategoria da atividade física e é planejada, estruturada, repetitiva e tem como objetivo melhorar ou manter um ou mais componentes do condicionamento físico. A OMS define atividade física como sendo qualquer movimento corporal produzido pelos músculos esqueléticos que requeiram gasto de energia – incluindo atividades físicas praticadas durante o trabalho, jogos, execução de tarefas domésticas, viagens e em atividades de lazer.

Foto: Nicollas Motta | Divulgação PMPA | Fotos Públicas

Foto: Nicollas Motta | Divulgação PMPA | Fotos Públicas

E qual a quantidade de atividade física recomendada?

A intensidade das diferentes formas de atividade física varia entre as pessoas. A fim de trazerem benefícios para a saúde cardiorrespiratória, todas as atividades físicas devem ser praticadas em sessões de pelo menos dez minutos de duração. A OMS recomenda:

  • Para crianças e adolescentes: 60 minutos de atividade física moderada à intensa por dia;
  • Para adultos (maiores de 18): 150 minutos de atividade de intensidade moderada por semana.
Foto: João Neto | Fotojump | Fotos Públicas

Foto: João Neto | Fotojump | Fotos Públicas

Lembre-se dos benefícios à sua saúde!

A prática regular e diária de atividade física, de intensidade moderada, reduz o risco de doenças cardiovasculares e a incidência de Doenças Crônicas Não Transmissíveis – doenças do aparelho circulatório, neoplasias, doenças do aparelho circulatório, diabetes mellitus, doença pulmonar obstrutiva crônica, insuficiência renal crônica. O treinamento de resistência muscular e equilíbrio, por sua vez, é capaz de reduzir quedas e aumentar a capacidade funcional nos idosos.

Dentre os benefícios que encontrados ao se realizar atividade física de forma regular, destacam-se: a melhora da autoestima, redução do isolamento social, alívio do estresse, diminuição da depressão, melhora da resistência física, melhora da autoimagem, aumento do bem estar físico e mental, melhora da função pulmonar dentre outros.

Foto: Marcos Santos | USP Imagens | Fotos Públicas

Foto: Marcos Santos | USP Imagens | Fotos Públicas

#VocêEncontraNoSUS: Ações de prática corporal e atividade física; saiba mais!

Academia-da-Saúde

Sim! Tem atividade física no Sistema Único de Saúde (SUS), sim!  Elas são ofertadas na Atenção Primária à Saúde, em âmbito municipal, por profissionais de educação física na saúde, fisioterapeuta, e outras categorias, desde que tenham a capacitação para a temática. As ações de prática corporal e/ou atividade física dentro da saúde pública visam o aumento do gradiente de saúde da população, a diminuição do sedentarismo e a melhoria da qualidade de vida.

O município tem autonomia para decidir as melhores atividades a serem ofertadas devendo considerar as preferências e as necessidades do público-alvo, em consonância com a realidade local. Essas atividades devem ter efetiva ligação com as demandas do território para que sejam incorporadas no cotidiano dos indivíduos e para que os mesmos possam usufruir de todos os seus benefícios. Por isso, que tal procurar a unidade básica de saúde mais próxima de sua casa?

  • Clicando neste link, você também confere a lista de municípios que possuem Polo do Programa Academia da Saúde.

Campanha #VidaSaudável

Nesse ano, a Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais (SES-MG) propõe como tema da Campanha #VidaSaudável o resgate das atividades culturais do estado como danças, jogos e brincadeiras para trabalhar o conceito da atividade física e saúde, focando na inclusão da atividade física na rotina diária dos indivíduos. Para isso, convidamos os profissionais de saúde a desenvolver e estimular atividades que contemplem práticas corporais, lazer, jogos, danças, apresentações culturais e outros, que também valorizem os saberes populares e tradicionais da cultura local.

Os mais diversos espaços já existentes no município podem ser aproveitados para desenvolver essas atividades, como por exemplo os polos do Programa Academia da Saúde, a Unidades Básicas de Saúde, escolas, e Centro de Atenção Psicossocial (CAPS).

 

Tuberculose Ganglionar: conheça a doença que afetou a cantora Simaria

Crédito: Divulgação Facebook

Crédito: Divulgação Facebook

A cantora Simaria, da dupla sertaneja com Simone, foi diagnosticada nesta terça-feira (17/04) com tuberculose ganglionar. A doença a manterá afastada dos palcos por um tempo, enquanto realiza o tratamento. Mas você sabia que essa é uma forma mais rara da doença e que, diferentemente do tipo mais comum, ela não é transmitida de pessoa para pessoa? A gente te explica:

Conheça a doença

A tuberculose é uma doença causada por uma bactéria que afeta principalmente os pulmões, mas também pode ocorrer em outros órgãos e sistemas do corpo, como é o caso da tuberculose ganglionar, que acomete os gânglios linfáticos – também conhecidos como linfonodos. Essa é também o tipo mais comum de tuberculose extrapulmonar, principalmente em adolescentes e jovens adultos.

Além do aumento dos gânglios com dor local, os sintomas normalmente estão associados aos da tuberculose pulmonar, como emagrecimento, febre e queda do estado geral. O diagnóstico costuma se dar após o paciente ser examinado por apresentar dores no corpo, principalmente na região cervical, além de febre. Estresse e queda do sistema imunológico também estão associados às causas da doença.

Tratamento no SUS

O Sistema Único de Saúde (SUS) disponibiliza a prevenção e o tratamento para todas as formas de tuberculose. No caso da tuberculose ganglionar, o tratamento inclui o uso de antibióticos, além de um reforço na alimentação, e não apresenta sequelas. Para êxito no tratamento, é importante que o paciente tome os medicamentos de forma regular e diariamente, e no tempo previsto, geralmente por 6 meses, no mínimo.

Quer saber mais sobre Tuberculose? No site da SES-MG você encontra uma página especial sobre a doença, com informações sobre sintomas e tratamento. Acesse: www.saude.mg.gov.br/tuberculose.

2

 

#VocêSabia: Dona Ivone Lara dedicou maior parte de sua vida à saúde pública

Dona Ivone Lara em dezembro de 2015 - Divulgação.

Dona Ivone Lara em dezembro de 2015 – Divulgação.

Com a morte da cantora e compositora Dona Ivone Lara, o Brasil não perde somente um dos maiores nome do samba nacional. Poucos sabem, mas Ivone Lara dedicou a maior parte de sua vida adulta à área da saúde pública.

Já aos 17 anos, começou a estudar na Escola de Enfermagem Alfredo Pinto e passou a trabalhar como plantonista de emergência. Aos 25, foi contratada pelo Instituto de Psiquiatria do Engenho de Dentro. Especializada em terapia ocupacional, Ivone Lara trabalhou no Serviço Nacional de Doenças Mentais com a doutora Nise da Silveira, médica que revolucionou o tratamento psiquiátrico no Brasil.

Ivone Lara teve papel fundamental na revolução empreendida por Nise da Silveira. A outrora enfermeira percorreu quilômetros de estrada pelos municípios do Rio e estados vizinhos, localizando mães, pais, avós e tios que haviam abandonado seus familiares no hospital, acreditando que não havia mais nada a ser feito por eles – afinal, esse era o diagnóstico que ouviam dos próprios médicos.

ivone-lara-engenho-de-dentro

Acervo família da artista, s/d

Ivone também colaborou para que a música pudesse ser remédio para aquelas pessoas, usando seus contatos para conseguir  patrocínio e comprar instrumentos musicais para o Engenho de Dentro. Com isso, criou uma oficina de música, que passou a apoiar festas e eventos de socialização entre os pacientes, seus familiares e os funcionários do hospital. Na oficina  estão as raízes mais profundas de um bloco de carnaval, o Loucura Suburbana, que até hoje desfila anualmente pelas ruas vizinhas ao hospital.

Ivone Lara permaneceu por 37 anos no Instituto de Psiquiatria do Engenho de Dentro  – hoje Instituto Municipal Nise Da Silveira – até se aposentar. Somente aos 56 anos de idade, Ivone passou a dedicar-se exclusivamente à música, lançando em 1978 seu primeiro disco, “Samba Minha Verdade, Samba Minha Raiz”. Dona Ivone Lara morreu na noite desta segunda-feira (16/04), no Rio de Janeiro com uma parada cardiorrespiratória. A sambista estava internada desde a última sexta-feira — dia em que completou 97 anos — quando deu entrada com quadro de anemia.

No filme "Nise - O Coração da Loucura", Ivone Lara foi interpretada pela atriz Roberta Rodrigues.

No filme “Nise – O Coração da Loucura”, Ivone Lara foi interpretada pela atriz Roberta Rodrigues.

Fonte: O Globo e Blog Daniela Name

#SaúdeDaVoz: Você está em dia com a sua?

person-auditorium-advertising-microphone-communication-speaker-1223693-pxhere.com

No nosso dia-dia, a voz é uma ferramenta importante de comunicação. Por isso, alguns cuidados devem ser levados em conta para evitar problemas de saúde que a afetem, principalmente para quem utiliza a voz como instrumento de trabalho, ou de forma mais frequente.

Um detalhe importante para manter a saúde vocal é evitar o tabagismo, uma vez que o cigarro traz malefícios ao sistema respiratório, com especial dano às pregas vocais, além de causar ressecamento, tosse, edema, secreções e, até mesmo, rouquidão.

Em caso de qualquer problema de saúde relacionado à voz, você deve procurar uma Unidade de Saúde mais próxima para ser avaliado por uma equipe de saúde do Sistema Único de Saúde (SUS). Na clínica médica, o otorrinolaringologista e o fonoaudiólogo são os especialistas que cuidam da saúde da voz.

» Com a mudança de hábitos e cuidados básicos, você pode preservar e aprimorar sua saúde vocal, #fiqueligado:

  • Fale sem esforço e articule bem as palavras;
  • Mantenha uma boa postura corporal ao falar ou cantar;
  • Beba pelo menos 2 litros de água diariamente;
  • Durma bem. Ter uma noite de sono tranquila, entre 6 a 8 horas por dia, faz toda a diferença;
  • Tenha uma alimentação saudável rica em frutas e proteínas;
  • Procure reduzir a quantidade de fala durante quadros gripais, crises alérgicas e período pré-menstrual;
  • Evite falar por longos períodos, principalmente em ambientes ruidosos;
  • Evite ingerir leite e derivados, bebidas gasosas, chocolate antes de utilizar a voz continuamente;
  • Evite ingerir álcool em excesso, bem como outras drogas;
  • Cuidado ao cantar inadequadamente ou abusivamente;
  • Esteja atento aos primeiros sintomas de alteração vocal como cansaço, ardor ou dor ao falar, falhas na voz, mudança de tom, pigarro e rouquidão;
  • No caso de problemas vocais, procure um fonoaudiólogo e um médico otorrinolaringologista.

#VidaSaudável: 10 atividades físicas para quem não gosta de academia

Responda a uma pergunta: você pratica atividades físicas de forma regular? Saiba que não gostar de academia não é motivo para ficar parad@! Segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), a prática regular e diária de 30 minutos de atividade física de intensidade moderada, reduz o risco de doenças cardiovasculares e a incidência de uma série de doenças crônicas, como doenças do aparelho circulatório, diabetes mellitus e insuficiência renal crônica. O treinamento de resistência muscular e equilíbrio, por sua vez, é capaz de reduzir quedas e aumentar a capacidade funcional nos idosos.

👉 Quer sair do sedentarismo mas vive abandonando as aulas? Talvez o problema seja encontrar a atividade física ideal para você!

#FalaRegional: Regional de Saúde Barbacena promove ação pelo Dia Mundial da Saúde

Por Priscila Rezende 

2 (2)

Nesta sexta-feira (13/04) servidores da Regional de Saúde de Barbacena participaram de uma ação em comemoração ao Dia Mundial da Saúde, cuja data é celebrada em 07 de abril. A ação foi promovida pelo Núcleo de Atenção Primária da Regional em parceria com a equipe do Núcleo de Apoio à Saúde da Família (NASF) de Barbacena, com o objetivo de conscientizar os servidores sobre a importância de atividades e hábitos que promovam uma vida saudável.

Na ocasião foram realizadas atividades conduzidas por profissionais diversos da equipe do NASF, como alongamento, atividade aeróbica e palestras sobre cuidados com a voz, alimentação, atividade física e meios de prevenção a doenças através dos cuidados com as diversas áreas que envolvem a saúde física e mental.

“Hoje nós pudemos mostrar um pouco do trabalho que a nossa equipe realiza todos os dias com a população do município. E estamos aqui pra reforçar que a atenção primária deve focar na prevenção e promoção da saúde, em vez de apenas curar as doenças”, afirmou Luciano Chartone, Coordenador do NASF de Barbacena.

 

#SaúdeNaCozinha: Conheça as frutas, verduras e legumes do mês de abril!

Que tal comer melhor por um preço mais acessível? Esse é um dos principais benefícios de adquirir alimentos no período de safra. Em cada mês do ano, há frutas, legumes e verduras em sua época mais propícia.

Por terem sido produzidos em condições climáticas ideais, esses alimentos conseguem se desenvolver melhor, oferecendo maior qualidade nutricional, além de sabor e aroma mais intensos. Além disso, no período de safra, o cultivo pode dispensar aditivos químicos, como é o caso dos agrotóxicos.

👉 Conheça, então, os alimentos do mês de abril:

#SUS: Seminário Mineiro de Judicialização da Saúde reúne diversos atores e vozes na discussão sobre o tema

Crédito: Marcus Ferreira

Crédito: Marcus Ferreira

Nos dias 2 e 3 de abril, a Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais (SES-MG), realizou o I Seminário Mineiro de Judicialização da Saúde. O evento reuniu cerca de 1200 pessoas e também especialistas nas diversas áreas envolvidas na temática da Judicialização no âmbito da Saúde Pública, e promoveu uma discussão rica e diversa sobre um tema complexo, que vem ganhando força exponencial na atualidade.

A abertura do evento, na noite desta segunda-feira (04), contou com palestra magna proferida pelo juiz federal titular da 1ª Vara de Brusque, em Santa Catarina, Dr. Clênio Jair Schulze, que também é Coordenador do Comitê Executivo da Saúde em Santa Catarina.

Na manhã do dia seguinte (05/04), os trabalhos se iniciaram com a mesa de discussão “Atores da Judicialização”, que debateu o papel dos usuários, do poder executivo e do poder judiciário nos processos judiciais envolvendo o Sistema Único de Saúde (SUS).

» Clique aqui e confira a cobertura na íntegra

Crédito: Marcus Ferreira

Crédito: Marcus Ferreira

Na tarde da quinta-feira, os trabalhos foram retomados com as mesas de discussão Incorporação de procedimentos e patentes” e “Cenários Futuros da Judicialização da Saúde e Transparência”. Clique aqui e confira no site da SES-MG a cobertura completa de tudo o que esteve em pauta no encerramento do I Seminário Mineiro de Judicialização da Saúde.

Crédito: Marcus Ferreira

Crédito: Marcus Ferreira

#SaúdeNaCozinha: Revista Cozinha Inteligente ensina aproveitamento integral dos alimentos com receitas fáceis e saudáveis

Sem título

Você sabia que uma alimentação sadia e rica em nutrientes, pode ser alcançada com partes dos alimentos que, normalmente, são desprezadas? Polpa, cascas, talos, folhas e sementes podem ser utilizadas na preparação de alimentos comuns de nosso dia a dia, melhorando – e muito! – a qualidade nutricional das nossas refeições.

Pensando nisso, o Servas elaborou a Revista Cozinha Inteligente, que traz uma série de dicas sustentáveis e receitas de aproveitamento integral de alimentos. Clique aqui e confira!

 

 

#Mobilização: Assprom e SES-MG promovem ação de enfrentamento ao Aedes

com Assprom

dengue-ses-1

A Associação Profissionalizante do Menor de Belo Horizonte (Assprom) realizou mais uma ação de conscientização para o enfrentamento ao mosquito Aedes aegypti, em parceria com a Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais (SES-MG). Adolescentes Trabalhadores fizeram cartazes, “camisão informativo” e recitaram um cordel sobre o tema a outros jovens da entidade. Os adolescentes que assistiram as apresentações se mostraram bastante curiosos e interessados pelo tema. Ao final das apresentações, foram distribuídos os folhetos informativos da SES-MG.

Atividades como essa são fundamentais para despertar a consciência e motivar a participação dos jovens no enfrentamento ao mosquito Aedes aegypti, fazendo com que eles levem o aprendizado para suas casas e tornem-se agentes mobilizadores.

E você: já pensou em ser um agente mobilizador de ações de saúde na sua comunidade?